Porque viver, sobrevivendo, é uma questão de simplicidade...
Terça-feira, 26 de Outubro de 2004
Inverno...

O dia cola-se húmido à pele.


 Nem réstia de sol, apenas promessas de tempestades.


 Não sei como vou enfrentar este Inverno! Sou uma mulher de primaveras, piscando o olho ao Verão…


Como fui nascer em pleno Inverno, se não há nada nele que me atraia ou console?


Um dia ou dois a olhar pela janela a chuva que cai impiedosa, até tem o seu encanto…


Um dia ou dois!


 Tenho um amigo que diz que daqui a 10 anos se vai embora para África (livra-te de não levares a net atrás de ti!

 Gostava de passar o Inverno num qualquer paraíso tropical. E depois voltava. Acho.


Tenho essa fantasia desde criança. Passar o Natal na praia, só para ver se tinha o mesmo sabor…


Era tão bom… Viver num sitio onde estivesse sempre calor…


Não ter que me preocupar com mudanças de guarda roupa… Mandar o reumático dar uma curva.. Dar um mergulhinho ao pôr do sol… Só apetecer comer saladas (esta dava muito jeito!).. Aquele cheiro do creme solar misturado com o sal do mar…


E o mar, Deus do céu! O mar ali, à mão de semear, para aliviar calores, dores e desamores..


Uma coisa farei! Quando me reformar, vendo esta treta toda, estou farta de verde, e compro uma casinha à beira mar.


 Quem sabe se o mar de Inverno me consolará da fuga do calor! Até me imagino, sentada na cadeira de baloiço (que peço há anos, e nicles), de mantinha nas pernas, espernangada na varanda, a olhar o mar revolto, sujeita a apanhar com uma onda mais atrevida!


Sonhos, pois…


É isso mesmo que vou fazer este Inverno.


 Sonhar…



publicado por Fernanda às 10:50
link do post | comentar | favorito
|

20 comentários:
De Anónimo a 28 de Outubro de 2004 às 00:13
pensas que lá porque és pequenina só tu é que precisas de colo! e eu ali toda contente, mesmo antes que pedisses colo, a dar-to! (soluço)até disse assim: "olha neste momento, queria dar-te a cadeira de baloiço e este mar que se estende aqui mesmo ali ao pé de mim..." e... (soluço e beicinho) nem me metes no rol! (choro baixinho com algum ranhito) O que vale é teres ido ver-me senão desatava a berrar "eu também quero mimos! e quero ir ver a lua e comer jaquinzinhos!" Abração Fernanda fixe!seila
(http://intervalos.blogspot.com)
(mailto:feet1@sapo.pt)


De Anónimo a 26 de Outubro de 2004 às 17:10
Oh! Fernanada quero lá saber se é Inverno, Outono, Verão...Primavera...sei lá...em que Estação se está! tinha ali no blog uma palavra tua (custou caramba!!) e fiquei olhando e tão contente! bolas! esta mulher é de uma sinceridade alucinante e eu gosto tanto disso tanto, Fernanda que se é seja que Estação for olha neste momento, queria dar-te a cadeira de baloiço e este mar que se estende aqui mesmo ali ao pé de mim...mas realmente...viver sempre num clima de Verão, Fernanda, com achuva a cair a rodos inesperada e quente...podes crer, faz-nos apreciar tanto tanto a fieza gostosa de um frio de vento!
Um grande abraço!seila
(http://intervalos.blogspot.com)
(mailto:feet1@sapo.pt)


De Anónimo a 26 de Outubro de 2004 às 16:46
O calor da lareira tem o seu encanto e não é a mesma coisa que o calor do Sol. Prefiro o Verão, mas não posso esquecer os dias frios e chuvosos do Inverno passados ao calor de uma lareira...pedevento
(http://pedevento.blogs.sapo.pt)
(mailto:mardapalha@sapo.pt)


De Anónimo a 26 de Outubro de 2004 às 16:39
Fernanda, essa cadeirinha de baloiço [...] não há daquelas de dois lugares ? assim tu e eu, bem sei que és casada, poderíamos os dois, e aí sim, com uma mantinha por cima de nós, e sim, levávamos com uma onda, mas uma onda de partilha de sentimentos, ou não. Agora a sério [...] sonhos desses são comuns entre a nossa gente. Será que quem vive nessas bandas também sonha com Invernos loucos de chuva, tempestades de granizo, ventos fortes a oscilarem em redor de suas cabeças, tufões, enfim, essa salganhada toda que gira à volta do tão afamado Inverno. Que Deus me perdoe. Se ele há coisa linda na Natureza, o nosso cantinho foi bastante levado em conta, pois temos as 4 estações ainda na sua tenra idade, ou não. Talvez qualquer dia passemos a ter apenas duas, quem sabe ...!!! Beijocas e vai ver o 'Galeão'.Mentis
(http://casual.blogs.sapo.pt)
(mailto:amiljitsu@sapo.pt)


De Anónimo a 26 de Outubro de 2004 às 14:59
Fernanda, fiquei lisonjeado com a tua visita (e isto não é nenhuma formalidade) obrigado.Pantanero
(http://pantanero.blogs.sapo.pt/)
(mailto:zh1951@sapo.pt)


De Anónimo a 26 de Outubro de 2004 às 14:13
adoro o inverno, o verao, a primavera e outono.......tenho saudades sempre da estaçao oposta .....adoro a vida e a maneira como escreves......um beijo mariamaria
</a>
(mailto:maria40@yahoo.com)


De Anónimo a 26 de Outubro de 2004 às 14:05
Olha que o Inverno tb tem o seu encanto!! São as lareiras, as roupas quentinhas, as castanhas, as luzes de natal!!!! Ai, ai... Bjs tecpalt
(http://nasei.blogs.sapo.pt/)
(mailto:tecpalt@sapo.pt)


De Anónimo a 26 de Outubro de 2004 às 13:40
Junta-te a mim amiga e vamos ficar as duas na lareira... isto tudo apesar das nossas "divergências"... e como tu (aposto) falas pelos cotovelos eu fico o Inverno todo a ouvir-te. Acredito que passava mais depressa... ehehehhe. Beijos... e olha uma coisa em que estamos de acordo. Bolas para este tempo!!!! Elsa
(http://delirios2004.blogs.sapo.pt)
(mailto:elsa_aguiar2001@sapo.pt)


De Anónimo a 26 de Outubro de 2004 às 13:39
Não é das minhas estaçõers preferidas, mas ás vezes sabe bem ter esta época,nem que seja por causa do natal, beijosL.M
(http://luismiguel.blogs.sapo.pt)
(mailto:luismiguel.a@sapo.pt)


De Anónimo a 26 de Outubro de 2004 às 13:38
Isso tb eu queria, viver num sítio onde houvesse só calor... pois, resta sonhar... BEIJOAragana
(http://www.aragana.blogs.sapo.pt)
(mailto:aragana@sapo.pt)


Comentar post