Porque viver, sobrevivendo, é uma questão de simplicidade...
Segunda-feira, 9 de Maio de 2005
ORA ESTA, HEM????????

Recebi um mail de um(a) ressabiado(a), que me chateou, mas não chegou para me tirar o sono.


Como não quero dar-lhe a importância de lhe responder pessoalmente, deixo aqui um pequeno comentário às suas palavras.


 Não é a melhor forma de começar a semana, mas será a última vez que vou dar importância a porcarias deste tipo.


Portanto aqui vai….


 Escrever bum blog é expôr corpo, alma e vida.


 Para quem escreve com verdade, e não usa mais máscaras do que aquelas que a vida impõe. A vida real.


 Não existe uma única linha no meu blog que não seja verdadeira.


 Posso omitir, mas não minto.


Também não o uso para me auto-promover ou para me fazer mais do que aquilo que sou.


E mesmo que o fizesse, ninguém tinha nada com isso.


Mas como não quero que ande alguém a perder o sono por minha causa (a não ser por um bom motivo..), fica a saber que SIM.


Tenho uma casa espectacular, com piscina e 2050 m2 (confirmadíssimo) de relva, palmeiras, arvores diversas, banquinhos de jardim, baloiços convidativos, redes de descanso e outros luxos que tais.


 Sim, tenho uma família porreirinha, com 3 filhos que não me dão problemas e me adoram.


Sim, tenho carro próprio, modesto mas já pago, e o meu marido tem uma “bomba” topo de gama que, infelizmente ainda não está pago, mas para lá caminha.


 Sim, comemos do bom e do melhor, e chego a deitar camarões fora (os gatos comem) porque chegamos a enjoar o marisco.


Sim, tenho emprego certo e minimamente seguro, num sítio onde há bom ambiente.


 Mas se tenho tudo isto é porque Alguém acha que o mereço!


Já passei por muito. Já sofri abandono, rejeição, fome e outras formas de violência que não desejo a ninguém.


Sim, acho que ninguém deveria passar necessidades, todos deviam ter o suficiente para viver com dignidade.


Mas como infelizmente não está nas minhas mãos mudar o mundo, mais vale gozar o que tenho, não?


Pelo menos, e se realmente me lê desde o principio, sabe que me preocupo com o que se passa à minha volta, e faço o possível para ajudar quem me rodeia.


Fizessem todos como eu, e o mundo seria bem melhor.


Não sou santa, não tenho uma vida perfeita (longe disso), mas não me congratulo com o mal dos outros.


E para terminar, deixe-me dizer-lhe uma coisa que os seus pais não lhe devem ter ensinado em pequenino(a):


 A INVEJA É UMA COISA MUITO FEIA!



publicado por Fernanda às 11:54
link do post | comentar | favorito
|

24 comentários:
De Anónimo a 12 de Maio de 2005 às 12:26
Olá miuda,

Adoro esta parte boa. Do luxo e da piscina e da felicidade...
Assim, quantificável, não tenho nada do que tu tens...

Mas, dispensava de bom agrado a tua primeira parte de vida... Que Graças a Deus, também desconheço...

Cada um tem o que merece...

O balanço... Cada um faz o que pode...

Invejo-te a Felicidade... o teu bem mais precioso e mais dificil de manter, mais raro e mais belo, que nós os não simples mortais conseguimos.

Mais beijos
P.S. Gostei de saber que os 2500m se mantêm... não se aguenta tanto stress no campo...Partilhas
</a>
(mailto:Partilhas@sapo.pt)


De Anónimo a 10 de Maio de 2005 às 22:56
APOIADA CARAÇAS!! APOIADA!!!*********************Karura
(http://blackpenguin.blogs.sapo.pt)
(mailto:karura@iol.pt)


De Anónimo a 10 de Maio de 2005 às 15:44
Bom final. Não tinhas nada que dar explicações. Indiferença é o melhor. Há pessoas que só vivem para reparar no que os outros têm e sofrem quando não têm igual ou melhor. São pessoas doentias!lima
(http://verouvir.blogspot.com)
(mailto:lumavip@gmail.com)


De Anónimo a 10 de Maio de 2005 às 15:27
Pk é k ha sp alguem k se ncomoda com a felicidade dos outros? Humpft... isso dá-me nos nervos!!!! Não lhe ligues! Jokaso rapaz que pensava que o mundo era redondo
(http://oblogdorapaz.blogs.sapo.pt)
(mailto:the_redheart@hotmail.com)


De Anónimo a 10 de Maio de 2005 às 08:37
Bom dia, Fernanda. Para além de dois anos e picos de blogger, a vida ensinou-me a viver com o que se tem e se conquista. Ensinou-me também que em cada esquina do destino de cada um, há sempre ao virar dela, alguns inconvenientes com que temos que saber lidar. No meu caso, tal inconveniência momentânea, é não saber como poder usufruir dos 2050 m2 sem ser considerado transgressor da propriedade privada. E a piscina. Ai!, rapariga... o que adoro piscina. E relva com palmeiras. E gatos com marisco. E adoro saber também, que ainda há pessoas felizes.

Beijokas e... parabéns ao companheiro pela presença na final. Com o resultado de ontem já não há quem os segure. Dizem "eles". A gente no sábado veremos.eduardo
(http://edynet.blogspot.com/)
(mailto:edynet69@hotmail.com)


De Anónimo a 10 de Maio de 2005 às 04:11
Nem penses mais no assunto. Quem não gosta que vá visitar outros blogs, há muitos. Continua a falar sobre o que te der na real gana :) Beijo grande e boa semana :)Carla
(http://papoilasdoces.blogs.sapo.pt)
(mailto:cferreirapedro@sapo.pt)


De Anónimo a 10 de Maio de 2005 às 02:00
nao te rales. O que não falta é gente má e mesquinha. Um beijo miudalyra
</a>
(mailto:notasdelyra@gmail.com)


De Anónimo a 10 de Maio de 2005 às 01:54
Estás a dar demasiada importãncia a coisas que nem te deviam fazer pestanejar...Anónimo é lixo!saltapocinhas
</a>
(mailto:mapsl@sapo.pt)


De Anónimo a 9 de Maio de 2005 às 22:43
Oh melher!!! Atão qué isso? Vais agora perder tempo e energias com bichos rastejantes??? Goza lá a relva e a piscina, come os camarões e caga..no assunto, claro! :))*** Ah o meu coração também é VERDEEEEEEEEEEEEE!!!! Beijinhos :)**so12
(http://www.naoeshomem.blogs.sapo.pt)
(mailto:so12@sapo.pt)


De Anónimo a 9 de Maio de 2005 às 20:38
ora bem, boa resposta!gata
(http://ninhodagata.weblog.com.pt)
(mailto:promao_gata@clix.pt)


Comentar post