Porque viver, sobrevivendo, é uma questão de simplicidade...
Terça-feira, 8 de Novembro de 2005
...

nostalgia[1].png


Recordo com nostalgia a altura em que todas as sensações estavam à flor da pele, à distância de um toque…


A passagem do tempo deixa sem dúvida marcas inconfessáveis e duras, não só no corpo, mas também na alma…


Atenuam-se revoluções interiores, mas perdem-se sentires que não voltam mais!


 Não tenho saudade do tempo em que um golpe de vento me lançava em batalhas mil vezes travadas, perdidas e ganhas sem lógica nenhuma…


 São tudo memórias agora.


 Suficientemente fortes para me fazerem suspirar, mas ténues em matéria de incentivo para formar novas realidades.


Decididamente, estou acomodada no meu canto.


Por mais que o meu corpo de rebele e a minha alma choramingue desconsolada.


 Daqui não saio, daqui ninguém me tira.


 E pela primeira vez na minha vida, tristemente me sinto em paz…



publicado por Fernanda às 13:18
link do post | comentar | favorito
|

11 comentários:
De Anónimo a 11 de Novembro de 2005 às 12:48
tanta mulher a dar-te apoio......bem, sou mais uma......Maria
</a>
(mailto:Maria40@hotmail.com)


De Anónimo a 9 de Novembro de 2005 às 13:15
Estou aqui, se precisares. (falexcarvalho@yahoo.com)
Beijos
~º(",)º~
Fernanda
Fernanda Carvalho
(http://o-vento-debaixo-das-minhas-asas.blogspot.com/)
(mailto:falexcarvalho@yahoo.com)


De Anónimo a 9 de Novembro de 2005 às 13:03
Minha querida, arriba!! As coisas menos boas só nos tornam mais fortes. Pensamento positivo. Voos docesBorboleta
(http://devaneiosconstantes.blogs.sapo.pt)
(mailto:devaneiosconstantes@sapo.pt)


De Anónimo a 8 de Novembro de 2005 às 22:42
amiga... espero que nada de grave tenha acontecido na tua vida. que post mais tristinho... que se passou? suponho que não queiras falar disso... bem, estamos aqui, no que precisares... todos nós que comentamos, já sabes... beijos******************Karura
(http://www.blackpenguin.blogs.sapo.pt)
(mailto:anywherebuthome@gmail.com)


De Anónimo a 8 de Novembro de 2005 às 21:29
Amiga, hoje deu-me para isto! Vim ler o teu Blog, nem sempre o faço...sory :-)

Mas só serviu para confirmar o que eu tenho pensado sobre ti...

Precisas de algo... algo que te faça ser a nossa Fernada de sempre...

Explode...volta...tás a sufocar...destesto ver-te assim

Beijos
A comadre maior e mais largaa comadre,
</a>
(mailto:ana.so@hotmail.com)


De Anónimo a 8 de Novembro de 2005 às 18:41
Cheira-me.... hummmmmmmmmmm.........Aragana
</a>
(mailto:aragana@sapo.pt)


De Anónimo a 8 de Novembro de 2005 às 15:33
Querida Fernanda o que se passa contigo, o teu post tem tristeza, o que tens amiga!!!Deixo um beijinho e se precisares de falar estou sempre disponivel.adryka
(http://suspirar.blogspot.com)
(mailto:adry1111349@gmail.com)


De Anónimo a 8 de Novembro de 2005 às 15:10
..parar é... deixar de viver...
quando achamos que tudo está arrumado ...algo de mau está à acontecer...
FORÇ'AÍ!
js de http://politicatsf.blogs.sapo.pt e http://mprcoiso.blogs.sapo.ptjs
(http://politicatsf.blogs.sapo.pt)
(mailto:jfsilvasousa@hotmail.com)


De Anónimo a 8 de Novembro de 2005 às 14:30
Profundo...
Passa por este, é muito interessante: https://www5.nationalgeographic.com/genographic/Luciana
(http://www.tribaglobal.blog.pt)
(mailto:lucianarmluciana@sapo.pt)


De Anónimo a 8 de Novembro de 2005 às 14:26
Não te deixes ficar assim minha linda. Se é tristemente que te sentes em paz então é porque não é uma paz em pleno. A vida é para ser vivida..com as suas alegrias e tristezas..lágrimas e sorrisos..mas é para ser vivida..não para nos encostarmos á espera que o tempo passe. Vai...vai buscar forças lá bem no fundo do teu ser..faz renasçer a grande mulher que és e não te acomodes..mas luta por ti. Beijo grande. Kriskris Vale
(http://www.elektra.blogs.sapo.pt)
(mailto:kris_vale@sapo.pt)


Comentar post